A Moringa oleifera é uma planta que é freqüentemente chamada de árvore de coxinha, a árvore milagrosa, a árvore de óleo ben, ou a árvore de rábano.

A moringa é utilizada há séculos devido a suas propriedades medicinais e benefícios para a saúde. Tem também propriedades antifúngicas, antivirais, antidepressivas e anti-inflamatórias.

A moringa contém muitos compostos saudáveis, como por exemplo:

  • vitamina A
  • vitamina B1 (tiamina)
  • B2 (riboflavina)
  • B3 (niacina), B-6
  • folato e ácido ascórbico (vitamina C)
  • cálcio
  • potássio
  • ferro
  • magnésio
  • fósforo
  • zinco

Também é extremamente baixo em gorduras e não contém colesterol nocivo.

Foto: Reprodução

Quais são os benefícios da Moringa oleifera?

Acredita-se que a Moringa oleifera tem muitos benefícios e seus usos vão desde a saúde e a beleza até ajudar a prevenir e curar doenças. Os benefícios da moringa incluem:

Protegendo e nutrindo a pele e o cabelo

O óleo de semente de moringa é benéfico para proteger o cabelo contra os radicais livres e o mantém limpo e saudável. A moringa também contém proteínas, o que significa que é útil para proteger as células da pele contra danos. Ela também contém elementos hidratantes e desintoxicantes, que também aumentam a pele e o cabelo.

Ela pode ser bem sucedida na cura de infecções e feridas na pele.

Tratamento de edema

O edema é uma condição dolorosa onde o fluido se acumula em tecidos específicos do corpo. As propriedades anti-inflamatórias da moringa podem ser eficazes para evitar o desenvolvimento de edema.

Protege o fígado

A moringa parece proteger o fígado contra danos causados por drogas anti-tuberculantes e pode acelerar seu processo de reparo.

Imagem: Reprodução

Prevenir e tratar o câncer

Os extratos de moringa contêm propriedades que podem ajudar a prevenir o desenvolvimento do câncer. Também contém niazimicina, que é um composto que reprime o desenvolvimento de células cancerígenas.

Tratamento de queixas estomacais

Extratos de moringa podem ajudar a tratar alguns distúrbios estomacais, tais como constipação, gastrite e colite ulcerosa. As propriedades antibióticas e antibacterianas da moringa podem ajudar a inibir o crescimento de vários patógenos, e seu alto teor de vitamina B ajuda na digestão.

Combate a doenças bacterianas

Devido a suas propriedades antibacterianas, antifúngicas e antimicrobianas, os extratos de moringa podem combater infecções causadas por Salmonella, Rhizopus e E. coli.

Torna os ossos mais saudáveis

A Moringa também contém cálcio e fósforo, que ajudam a manter os ossos saudáveis e fortes. Junto com suas propriedades anti-inflamatórias, o extrato de moringa pode ajudar a tratar condições como artrite e também pode curar ossos danificados.

Tratamento de distúrbios de humor

Acredita-se que a Moringa seja útil no tratamento da depressão, ansiedade e fadiga.

Imagem: Reprodução

Protege o sistema cardiovascular

Os poderosos antioxidantes encontrados no extrato de Moringa podem ajudar a prevenir danos cardíacos e também tem demonstrado manter um coração saudável.

Ajudando na cicatrização de feridas

O extrato de moringa foi mostrado para ajudar no fechamento de feridas, bem como para reduzir o aparecimento de cicatrizes.

Tratamento de diabetes

A moringa ajuda a reduzir a quantidade de glicose no sangue, assim como o açúcar e as proteínas na urina. Isto melhorou os níveis de hemoglobina e o teor geral de proteína naqueles testados.

Tratamento da asma

A moringa pode ajudar a reduzir a gravidade de alguns ataques de asma e proteger contra as constrições brônquicas. Também foi demonstrado que ajuda a melhorar a função pulmonar e a respiração em geral.

Foto: Reprodução

Proteção contra distúrbios renais

As pessoas podem ter menos probabilidade de desenvolver pedras nos rins, bexiga ou útero se ingerirem extrato de moringa. A moringa contém altos níveis de antioxidantes que podem ajudar nos níveis de toxicidade nos rins.

Redução da pressão sanguínea alta

A moringa contém isotiocianato e niaziminina, compostos que ajudam a impedir o engrossamento das artérias, o que pode causar o aumento da pressão sanguínea.

Melhora a saúde dos olhos

Moringa contém propriedades que melhoram a visão graças a seus altos níveis de antioxidantes. A moringa pode parar a dilatação dos vasos da retina, impedir o espessamento das membranas capilares e inibir a disfunção da retina.

Tratamento de anemia e doença falciforme

A moringa pode ajudar o corpo de uma pessoa a absorver mais ferro, aumentando assim sua contagem de glóbulos vermelhos. Pensa-se que o extrato vegetal é muito útil no tratamento e prevenção da anemia e da anemia falciforme.

Foto: Reprodução

Quais são as interações da Moringa oleifera com medicamentos?

Interação com Levotiroxina: Moderada. Seja cauteloso com esta combinação. Fale com seu provedor de saúde.

A Levotiroxina é utilizada para a função tireoidiana baixa. A moringa pode diminuir a quantidade de Levotiroxina que seu corpo absorve. Tomar moringa junto com Levotiroxina pode diminuir a eficácia da Levotiroxina.

Algumas marcas que contêm Levotiroxina incluem Armour Thyroid, Eltroxin, Estre, Euthyrox, Levo-T, Levothroid, Levoxyl, Synthroid, Unithroid, e outras.

Medicamentos alterados pelo fígado (Citocromo P450 3A4 (CYP3A4)
Substratos). Classificação de interação: Moderada. Seja cauteloso com esta combinação. Fale com seu provedor de saúde.

A moringa pode diminuir a rapidez com que o fígado decompõe alguns medicamentos. Tomar moringa junto com alguns medicamentos que são quebrados pelo fígado pode aumentar os efeitos e efeitos colaterais de alguns medicamentos. Antes de tomar moringa, fale com seu provedor de saúde se você estiver tomando algum medicamento que tenha sido mudado pelo fígado.

Foto: Reprodução

Alguns medicamentos alterados pelo fígado incluem lovastatina (Mevacor), cetoconazol (Nizoral), itraconazol (Sporanox), fexofenadina (Allegra), triazolam (Halcion), e muitos outros.

Medicamentos para diabetes (drogas anti-diabetes ) Classificação de interação: Moderado Seja cauteloso com esta combinação. Fale com seu provedor de saúde.

A moringa pode baixar o açúcar no sangue. Os medicamentos para o diabetes também são usados para baixar o açúcar no sangue. Tomar moringa junto com os medicamentos para diabetes pode fazer com que o açúcar no sangue baixe demais. Monitore de perto o nível de açúcar no sangue. A dose de sua medicação para diabetes pode precisar ser alterada.

Alguns medicamentos usados para diabetes incluem glimepiride (Amaryl), glimburgide (Diabeta, Glynase PresTab, Micronase), insulina, pioglitazona (Actos), rosiglitazona (Avandia), e outros.

Medicamentos para hipertensão arterial (Anti-hipertensivos) Classificação de Interação: Moderado Seja cauteloso com esta combinação. Fale com seu provedor de saúde.

A moringa pode baixar a pressão arterial. Ela tem o potencial de aumentar os efeitos de redução da pressão sanguínea de drogas anti-hipertensivas.

Alguns medicamentos usados para baixar a pressão sanguínea incluem captopril (Capoten), enalapril (Vasotec), losartan (Cozaar), valsartan (Diovan), diltiazem (Cardizem), amlodipina (Norvasc), hidroclorotiazida (HydroDIURIL), furosemida (Lasix), e muitos outros.

Foto: Reprodução

Quais são os efeitos colaterais da Moringa oleifera?

Felizmente, os efeitos colaterais negativos da moringa oleifera são muito poucos e são amplamente compensados pelos benefícios. Mas ainda é natural se perguntar: a moringa tem algum efeito colateral que possa afetar negativamente minha saúde? Abaixo estão algumas das principais coisas a serem observadas. Vale a pena notar que devido às baixas concentrações, os efeitos colaterais do chá de moringa são muito menores do que outras formas de moringa.

Ritmo cardíaco e pressão sanguínea

Para aqueles que estão sendo tratados por pressão sanguínea baixa, devem consultar seu médico antes de tomar moringa. Os efeitos colaterais das cápsulas de Malunggay incluem a redução da pressão arterial e a diminuição do ritmo cardíaco, devido aos alcalóides da planta. Para muitos isto pode ser de grande benefício, mas aqueles com pressão arterial baixa devem ser cuidadosos.

Fígado e rim

Em estudos de laboratório, as folhas de moringa também aumentaram o risco de danos ao fígado e aos rins em ratos. Embora não se saiba exatamente como isso afeta os seres humanos, pensa-se que doses moderadas não tenham efeitos adversos.

A moringa também pode diminuir a rapidez com que o fígado decompõe alguns medicamentos. Isto pode aumentar os efeitos e os efeitos colaterais de alguns medicamentos. Um dos efeitos colaterais das folhas de moringa, caso haja superdosagem, é aumentar a toxicidade no fígado, e por isso é importante tomar a dosagem correta.

Gravidez e fertilidade

O grupo que deve se preocupar mais com os efeitos colaterais da ingestão de cápsulas de moringa são as mulheres grávidas. Embora a folha de moringa tenha muitos efeitos positivos para a amamentação, sabe-se que produtos químicos na raiz, casca e flores podem fazer com que o útero se contraia.

Portanto, o uso da moringa durante a gravidez não é recomendado. Dos grupos que estudam os efeitos colaterais da moringa, os médicos de fertilidade estão entre os mais preocupados, com vários estudos mostrando os efeitos adversos da moringa sobre aqueles que se submetem ao tratamento de fertilidade.

Foto: Reprodução

Consumo seguro de Moringa oleifera

A moringa afeta a todos de forma diferente, de modo que os efeitos colaterais malignos podem variar. As pessoas que tomam medicamentos para as condições de saúde existentes precisam ser especialmente cuidadosas. O pó de moringa afeta a forma como alguns medicamentos funcionam. É sempre melhor verificar com seu médico antes de tomar moringa, mas abaixo listamos algumas condições, das quais os doentes devem ser especialmente cautelosos.

Função tireoidiana baixa

Levotiroxina é um medicamento usado para tratar pessoas com baixa função tireoidiana. Estudos sugerem que a moringa pode diminuir a quantidade de Levotiroxina que seu corpo é capaz de absorver. Não deixe de consultar seu médico.

Condições hepáticas e renais

Estudos mostraram que as folhas de moringa aumentaram o risco de danos ao fígado e aos rins em ratos. Alguns medicamentos só funcionam se forem trocados e quebrados pelo fígado. Tem sido sugerido que um dos efeitos colaterais das cápsulas de moringa poderia ser que elas diminuem a rapidez com que o fígado quebra alguns medicamentos. Se você estiver sendo tratado para qualquer condição hepática ou renal, é importante verificar com seu médico se esses medicamentos podem ser neutralizados pelo uso da moringa.

Diabetes

Há um conjunto substancial de evidências que sugerem que a moringa pode ser usada para baixar o açúcar no sangue e, como tal, poderia ser uma ferramenta importante na luta contra o diabetes. No entanto, se usada juntamente com medicamentos para diabetes que também são usados para baixar o açúcar no sangue, os efeitos colaterais da moringa em pó podem resultar em complicações indesejadas. Tomar moringa junto com os medicamentos para diabetes pode causar hipoglicemia.

Baixa pressão sanguínea

A moringa pode baixar a pressão arterial. Embora isto possa ser de grande benefício para algumas pessoas, um dos efeitos colaterais das pílulas de moringa é aumentar os efeitos de redução da pressão arterial dos medicamentos anti-hipertensivos. Isto, naturalmente, pode exacerbar qualquer condição de saúde relacionada.

Foto: Reprodução

Fonte:

www.medicalnewstoday.com

www.emedicinehealth.com

www.rxlist.com

www.insidemoringa.com

Deixe uma resposta